Quarta-feira, 3 de Fevereiro de 2010

AAUTAD empenhada em conseguir mais apoios para desporto


Luís de Matos acredita que há solução para resolver as restrições financeiras que atingem a associação que representa e que, por inerência, afectam as secções desportivas que militam nos campeonatos nacionais, como o futsal, râguebi, basquetebol, ténis e voleibol, entre outras. O presidente da AAUTAD sublinhou o “peso regional” que tem estas equipas, realçando ainda que são poucas as universidades do país que têm tantas modalidades federadas como a AAUTAD.
Ao longo dos anos, os subsídios estatais e outros foram sofrendo cortes, devido às restrições económicas do próprio país, o que obrigou a uma adaptação da AAUTAD perante a diminuição das receitas. Enquanto que a nível de algumas equipas e secções, como basquetebol, futsal, natação e ginástica, foi possível criar protocolos de colaboração com outros clubes do concelho, o facto é que para outras equipas, como o râguebi, essa solução não é viável, uma vez que não existe mais nenhuma equipa de râguebi na região. Por isso, torna-se essencial procurar outras formas de financiamento.
“Queremos mudar a imagem da AAUTAD, criando uma maior dinâmica, para que a região se aperceba do nosso valor”, referiu Luís de Matos, acreditando que desta forma poderá conseguir mais apoios para todas as secções da maior associação cultural, recreativa e desportiva de Trás-os-Montes e Alto Douro.
 

Outro dos objectivos da AAUTAD passa por conseguir apoios de grandes empresas nacionais, mas as dificuldades são muitas, uma vez que “o público-alvo é menor do que em cidades do litoral, que têm mais habitantes”. No entanto, Luís de Matos pretende criar novas formas de promover empresas ou entidades que apoiem a AAUTAD, no sentido de que estas sintam que tiram “benefícios” desta colaboração.
O presidente da AAUTAD realçou ainda o grande valor das equipas desportivas da AAUTAD, tanto a nível federado como académico, mas sublinha que por serem muitas, as dificuldades são uma constante. Apelou ainda ao empenho dos atletas e dirigentes, para que “todos juntos” consigam trabalhar para encontrar “soluções de financiamento adequadas”.




 

Sinto-me:
Publicado por vilarealonline às 17:44
link do post | comentar | favorito
|

Pesquisar neste blog

 

Tempo

Click for Vila Real, Portugal Forecast

Novembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Últimos comentários

wow this is great I received a IMVU credits code a...
F28FF7 http://www.MHyzKpN7h4ERauvS72jUbdI0HeKxuZom...
F28FF7 http://www.MHyzKpN7h4ERauvS72jUbdI0HeKxuZom...
F28FF7 http://www.MHyzKpN7h4ERauvS72jUbdI0HeKxuZom...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...

excêntrico?

subscreva a newsletter do Vila Real on Line

introduza o seu email:

Posts mais comentados

Mais sobre mim

Posts recentes

Ténis Clube de Lamego Ope...

II Torneio Séniores Munic...

Docente da UTAD ganha pré...

OPEN XIX ANIVERSÁRIO Secç...

Aldeia vinhateira de Barc...

Arquivo

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

subscrever feeds

tags

todas as tags

Links